PRODUTOS
X-BOW - SURF SKI
DESCRIÇÃO
X-Bow APRESENTAÇÃO DO PROJETISTA, ANÁLISE TÉCNICA E DESCRIÇÃO DO PROJETO X-BOW OPIUM HI-TECH Projeto único criado em parceria entre os engenheiros Frank M.P Barretto e Fabio Paiva. Frank é Engenheiro Naval e Designer de Iates de luxo. Trabalha com desenvolvimento de projetos totalmente customizados para o seleto grupo de clientes/ celebridades dispostos a gastar pela exclusividade. Amante de esportes náuticos, Frank é altamente ligado ao mar, tanto durante seu trabalho quanto em seu tempo livre, praticando esportes como Wind Surf, Surfe, Stand Up Paddle e remo em caiaques tipo surfski. Fábio Paiva, introdutor da Canoagem Oceânica, Canoa Havaiana e Dragon Boat no Brasil. Detentor de vários títulos entre eles: 15 anos consecutivos invicto em todos os campeonatos no Brasil, Record de 24 horas em mar, 1ª Campeão Brasileiro da história e maior fomentador do esporte do país. Dedica-se hoje à travessias inéditas e fabricação de caiaques na empresa OPIUM pioneira e a mais tradicional do Brasil, com fabricação de 38 modelos diferentes entre caiaques e canoas havaianas. Entre os projetos mais arrojados está na inauguração da nova fabrica OPIUM HIGH TECH, destinada à barcos em epóxi e carbono e, a parceria com o Frank, onde juntos estão desenvolvendo modelos para competir entre as melhores fabricas do mundo entre projetos e designer. Para o desenvolvimento do projeto X-BOW, Frank e Fábio uniram as forças da engenharia naval e de todos os títulos de remo do fundador e proprietário da Opium, Fabio Paiva, criando assim um projeto com alto nível de características técnicas, associadas à indispensável experiência e sensibilidade de remadores e amantes do esporte. O projeto X-Bow apresenta várias características associadas ao desempenho e conforto, sendo listadas em detalhes a seguir: Proa invertida, garantindo maior comprimento de linha d’água e aumentando o potencial de velocidade da embarcação. Boca (largura), acima da linha d’água levemente maior, garantindo aumento de estabilidade secundária, sem afetar a performance em relação aos barcos concorrentes. Aliás, por conferir maior estabilidade secundária, o caiaque permite que o remador aplique toda sua energia na remada, sem nenhum desgaste físico e mental para garantir o equilíbrio. Projetado para máxima velocidade tanto em águas abrigadas quanto em mar aberto. Cockpit muito confortável, projetado através de modelo 3D e respeitando parâmetros de ergonomia, como assento mais alto que os pés e suporte lombar eficiente, por exemplo. Seu formato arredondado permite ótima rotação do quadril, garantindo que a remada seja eficiente desde o ataque até a retirada das pás em relação à água. Na região dos pés, a largura (boca) é a mínima possível, garantindo que o remador posicione a pá do remo em posição quase vertical, permitindo máxima resposta a cada remada. A ré do cockpit tem uma região de pouca altura, facilitando a reentrada no surfski a partir da água. Nesta região, estão presentes as amarras para transporte de garrafas dágua ou pequenas bolsas estanques. A vante do Cokpit, opcionalmente pode ser instalado um compartimento estanque com tampa de 4 a 6 polegadas. Sua proa invertida e em forma de machado, garante maior comprimento de linha dágua além de adicionar maior flutuação na extremidade de vante do caiaque. Testes hidrodinâmicos comprovam que além de cortar melhor as ondas, esse acréscimo de flutuação garante que o barco navegue sem embicar nas ondulações, minimizando assim o atrito com a água. Nas laterais do cockpit, na região dos joelhos do remador, a altura da borda foi aumentada para dificultar o embarque de água em mares mais agitados. Este fator, além de criar um detalhe estético muito interessante, também acaba facilitando o transporte, pois serve de pega mão. Nas laterais da proa, foi projetada também uma inclinação para fora (flare), garantindo que o spray de ondas seja jogado para os lados, mantendo assim o remador e o